«»

 

 

 

 

 

Saudação

 
Santa Teresinha
do Menino Jesus

Site Oficial da visita das Relíquias da
Santa Teresinha do Menino Jesus a Portugal

   
 

Saudação    Programa    Carta    Cronologia    Fotos    Desenhos    Devocionário    Lojinha
Testemunhas 
  Passo a Passo    Rosas    Pétalas    Textos    Links    Livro de Visitas

 

 

 


SAUDAÇÃO

No dizer do papa S. Pio X Santa Teresinha «é a maior santa dos tempos modernos». Exagerando um pouco, poderia perguntar-se sobre se existirá alguém cuja vida não tenha sido tocada, directa ou indirectamente, pela Santita como alguns também lhe chamam.

Teresinha, Teresa Martin, Santa Teresa de Lisieux, Santa Teresinha, Santa Teresinha do Menino Jesus são nomes para a mesma a mesma pessoa: Irmã Teresa do Menino Jesus e da Santa Face, carmelita descalça francesa, do séc. XIX.

Na sua curta existência Teresinha compreendeu bem que o Menino Jesus se entregou total e confiadamente ao Pai do céu (por isso se chamou do Menino Jesus). E compreendeu também que Jesus se fez homem para morrer e ressuscitar (por isso se chamou da Santa Face).

Olhando Jesus menino, Teresinha escolheu o caminho da infância para modelo espiritual. E assim, foi simples de coração e inabalável na esperança. Amou e confiou em Deus. Aos que têm dificuldades e provações, na escola ou na família; aos que sofrem ou não acabam de sair do túnel das dúvidas e incertezas ela diz: Coragem! Confiança!

Como homem Jesus sofreu, teve fome, sede e cansaço. A morte dos amigos incomodou-O e fizeram-no chorar, e as traições sofreu-as com a mesma incompreensão de qualquer um de nós. Ele quis ser um homem inteiro como nós, e por isso sofreu: subiu o Calvário e foi cravado numa cruz; antes, fora escarrado, espezinhado, flagelado, coroado de espinhos, esbofeteado, caluniado, desprezado.

A Face torturada de Jesus revela que Deus quis sofrer por nós. Porque é Amor. Foi esse amor que Teresinha quis viver e experimentar no ocaso da sua vida durante a terrível doença que a matou, a então incurável tuberculose.

Teresinha quis imitar Jesus, e por isso, como carmelita descalça se chamou Irmã Teresa do Menino Jesus e da Santa Face. Ela quis imitar Jesus, totalmente, absolutamente, do princípio ao fim. Será impossível compreender um amor assim? Talvez ao homem, mas não a Deus. Porque é Deus quem modela os corações à imagem de seu Filho Jesus.

É esta quem neste Outono-Inverno nos visita. Vem como Apóstola, Peregrina, Missionária e Santa. Vem para nos ensinar um Pequeno Caminho, a confiança e o abandono. Aquela mesma confiança de Jesus nas mãos do Pai do céu!

Vale a pena recebê-la bem. Vale a pena escutá-la e aprender. Foi por isso que surgiu este site.

Unimo-nos aos Bispos de Portugal e «Convidamos todos os cristãos a acolher este dom, estas “pétalas de uma rosa desfolhada” como vestígios luminosos de uma vida atraída totalmente por Deus, encantadora pela beleza da sua interioridade e atravessada pelo amor misericordioso de Deus. Vivendo e morrendo de Amor, qual coração da sua vocação e missão na Igreja, impelirá pela visita, bem preparada em todas as dioceses, para que as comunidades cristãs se lancem a “fazer amar o Amor, o Amor misericordioso”, no coração da não crença, na expressão de Pio XI.»

(Da Nota Pastoral da Conferência Episcopal)

Frei João Costa, carmelita descalço
 


 

 

 
Site Oficial da visita das Relíquias da Santa Teresinha do Menino Jesus a Portugal